Opiniões

A Constituição e o PIB

dez 07, 2016 / 0 comments

Ninguém vive só. Pessoas necessitam conviver para realização plena. O ser humano, para que possa desfrutar do bom convívio, tem que superar dificuldades internas, da própria personalidade, e obstáculos externos como atitudes autoritárias exercidos por autoridades constituídas e do meio social. O desejável é alcançar harmonia entre pensamento, ação e resultado; entre lei, direito e dever. Obtida essa harmonia, há campo para atuar, construtivamente, individual e coletivamente.

Cartão de crédito pode ser um aliado das finanças?

dez 07, 2016 / 0 comments

Final de ano, festas, amigo-secreto, viagens, presentese, quando você menos espera, extrapolou o uso que havia planejado para o cartão de crédito e começar o próximo ano com o pé direito fica bem mais complicado. Segundo dados mais recentes do Banco Central (BC), em agosto, as operações no cartão de crédito parceladas (sem juros)e à vista somaram R$ 62,9 bilhões. O valor corresponde a um crescimento de 11,6% em relação ao mesmo período do ano passado.

Comunicação

out 20, 2015 / 0 comments

Já dizia o Velho Guerreiro “Quem não se comunica... se trumbica”. Estamos falhando com nossos familiares, amigos, parceiros, conhecidos e clientes e outros relacionamentos na arte da comunicação.
Partindo-se do pressuposto, de que, o que foi falado por um não foi necessariamente compreendido pelo outro, pois existe uma larga margem de erro na comunicação o que gera muita frustração aos envolvidos, por isso a importância da comunicação tornar-se vital e estratégica, uma vez que é a partir dela que obtemos o que desejamos: produtos, serviços e principalmente, afetos.

Autoconhecimento = Libertação

out 20, 2015 / 0 comments

Quantas vezes você disse ou ouviu alguém dizer que não sabe de onde tirou forças para superar determinadas situações?
Essa caixinha de surpresas que é o nosso cérebro contém muito mais surpresas do que imaginamos. Você sabia que nós carregamos um cérebro com aproximadamente 100 bilhões de neurônios? É muita coisa! Eu não sou cientista e não me atreveria a explicar o que isso significa, no entanto, como estudiosa do comportamento humano e uma eterna curiosa acerca das capacidades humanas, fico imaginando quantas coisas podem estar escondidas no meio de tanto neurônio.