Comunicação

out 20, 2015 / 0 comments

Já dizia o Velho Guerreiro “Quem não se comunica... se trumbica”. Estamos falhando com nossos familiares, amigos, parceiros, conhecidos e clientes e outros relacionamentos na arte da comunicação.
Partindo-se do pressuposto, de que, o que foi falado por um não foi necessariamente compreendido pelo outro, pois existe uma larga margem de erro na comunicação o que gera muita frustração aos envolvidos, por isso a importância da comunicação tornar-se vital e estratégica, uma vez que é a partir dela que obtemos o que desejamos: produtos, serviços e principalmente, afetos.
A maior das artes da comunicação está no diálogo não verbal, naquilo que não foi dito com as palavras e sim e especialmente com o olhar verdadeiramente interessado e com o movimento aberto e receptivo do seu corpo, o sincronismo deste balé comunicativo poderá definir o seu futuro, a realização de seus sonhos de emprego ou até mesmo da conquista da paixão poderá estar nesta sensibilidade afetiva.
Os Seres de Carbono são mais descuidados no trato da comunicação com aqueles que estão mais próximos e que deles mais precisamos, é o grande preço pago pela intimidade, proximidade e excesso de confiança, e muitas vezes tratamos esta relação sem os devidos cuidados. Lembre-se: Quem não externa pratica! As pessoas muitas vezes engolem sapos, mas pode ter certeza que esta conta estará pendurada no prelo. Se o seu cliente interno ou externo não for bem atendido através da comunicação, ele com certeza irá buscar outros nichos de mercado.

Por Marco Ayala

Comments (0)

Leave a comment